quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Recriação Histórica: comportamento e etiqueta do século XIX em Our Deportment, parte II

Parte 2: Encontros






    Continuando a série de posts sobre etiqueta (caso você não tenha visto o primeiro clique aqui), esse vai ser sobre as regras de comportamento relacionadas a encontros, incluindo assuntos como saudações, conversação, etc




Capítulo III: Apresentações



- Só apresente alguém que você conhece e sabe que é uma boa pessoa, para evitar problemas futuros.
- Se você está na casa de um amigo, as pessoas ali podem lhe ser apresentadas, pois já são vistas como repeitáveis, visto que seu amigo as convidou.
- Deve-se apresentar o homem à mulher, o jovem ao mais velho, e o ‘inferior’ ao superior.
- Ao apresentar alguém, dizer algo sobre sua ocupação é de bom tom, porque assim é possível introduzir uma conversa entre os dois convidados.
- Uma simples inclinação de cabeça já é o suficiente depois de ser apresentado, um aperto de mão é opcional.
- A mulher só deve oferecer sua mão caso o homem que lhe foi apresentado seja alguém estimado por quem o apresentou, ou caso ela seja a anfitriã e queira demonstrar cordialidade.




Capitulo IV: Saudações



- Na Inglaterra e na América existem três formas de saudar alguém: a inclinação, o aperto de mão e o beijo.
- Se você conhece a pessoa pouco, incline-se pouco. Inclinar-se ao conhecer ou reconhecer alguém é um importante sinal de boa educação. Junto da inclinação de cabeça deve-se dizer um ‘bom dia’ ou ‘como vai?’.
- Saudar alguém apenas com um sorriso não é algo bem visto.
- Entre amigos o aperto de mãos é o cumprimento mais usado. A mulher que deve oferecer sua mão, caso o homem seja seu amigo.
- O beijo é a saudação mais afetuosa e é dado somente em relações próximas e amigos queridos. O beijo é dado na bochecha ou testa, e nunca deve ser feito em público. O beijo na mão está praticamente obsoleto.








Capítulo VIII: Conversação 



- O caráter de uma pessoa é revelado numa conversa tanto quando qualquer outra qualidade que ela possua.
- Ter uma boa memoria é importante para manter uma boa conversa. Lembre-se dos nomes das pessoas, pelo menos.
- Para ter uma boa conversa é preciso ouvir atentamente, ser observadora, estudar e ter uma boa memoria.
- Ser um bom ouvinte é importante. Demonstre interesse no que te dizem e nas pausas diga algo que dê a entender o que você está entendendo o que o outro está falando.
- Evite gírias, exageros, uso de palavras estrangeiras, vícios de linguagem.
- Seja simpático e alegre.
- Elogie aqueles iguais a você ou numa posição abaixo, mas apenas se o elogio for sincero.
- Não seja pedante ou ostente um conhecimento.
- Evite perguntas impertinentes. Diga "Espero que seu irmão esteja bem" ao invés de "Como está a saúde do seu irmão?".
- Evite assuntos polêmicos.
- Não aponte os erros de linguagem dos outros.
- Não pergunte o preço das coisas que alguém está usando a menos que seja alguém próximo e por um bom motivo
- Não monopolize a conversa




Capítulo IX: Dando e indo a jantares



“O jantar deveria ser considerado uma das belas artes.” Apesar de jantares serem considerados entretenimento de pessoas casadas ou de meia idade, é sempre agradável ter jovens e solteiros entre os convidados.
- Os convites devem ser feitos por cartões entregues pessoalmente e com dois a dez dias de antecedência.
- Os convites devem ser respondidos assim que recebidos.
- Ser pontual é obrigatório, não chegue nem muito cedo nem muito tarde. 15 minutos é o máximo que se pode esperar por algum convidado.
- Um bom anfitrião deve garantir que a conversação seja mantida durante todo o encontro.
- Mantenha a boca fechada ao comer. E evite fazer barulhos enquanto come ou bebe.
- Você esta livre para recusar algo que lhe é oferecido para comer, mas não fique brincando com a comida depois que você a recebe.
- Não fique brincando com os talheres na mesa
- É uma marca da grosseria palitar ou limpar os dentes à mesa




    Essa parte relacionadas a encontros é bem extensa, afinal no livro tem capítulos dedicados a várias situações, de festas a velórios. Selecionei regras relacionadas a momentos mais corriqueiros, para não deixar o post demasiadamente longo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para expressar a sua opinião! Não se esqueça de marcar a caixinha do 'notifique-me' ou deixar um email de contato para que eu possa te responder.